Negócio e empresas

O que são criptomoedas?

Conheça o conceito de criptomoeda, um tipo de ativo digital que já movimenta um mercado trilionário de alcance global

Bitcoin, token, NFT, De-Fi… Esses conceitos podem parecer muito complexos para quem começa a estudar sobre o mercado de cripto.

De fato: para quem deseja saber como investir em criptomoeda, é preciso dar um passo para trás e entender o que significa o conceito de criptomoedas.

Esse tipo de ativo tem um grande potencial de gerar tecnologias inovadoras que farão parte do nosso futuro. Entretanto, compreender como eles funcionam pode parecer complexo.

Mas, observando com calma, é possível entender que esse conceito não é tão difícil e pode ser compreendido até mesmo por iniciantes. Por isso, leia o artigo completo para saber mais sobre o que são criptomoedas.

O que são criptomoedas?

Criptomoedas (também chamadas apenas de cripto) são ativos digitais descentralizados que utilizam a tecnologia da blockchain. Diferente de moedas centrais, como dólar, real ou euro, não há autoridade central que controle o valor de uma cripto.

É possível usar cripto para comprar produtos e serviços, muito embora algumas pessoas prefiram investir nesse tipo de ativo pensando nestes como investimentos, similar ao que se faz com ações, fundos de investimento ou metais preciosos.

As funcionalidades das criptomoedas podem variar de forma relevante: algumas possuem a função de ser um meio de pagamento; outras funcionam como plataforma para desenvolvimento de soluções financeiras; e outras como ativos atrelados a moedas estatais; entre outras funções. 

Por fim, as tecnologias em torno das criptomoedas estão sendo cada vez mais difundidas e entregando soluções inovadoras para pessoas de todo o mundo.

Para que servem as Criptomoedas?

As criptomoedas podem ser usadas como meio de pagamento muito mais rápido e simples do que as formas de pagamento tradicionais, como transferências bancárias.

Além disso, possuir criptomoedas em uma carteira privada (ou seja, uma carteira que só o próprio investidor tem acesso) é uma forma de manter o dinheiro apenas consigo, sem que ele possa ser tomado por outros.

Muitas criptomoedas entregam soluções financeiras e tecnológicas para as pessoas, como é o caso das finanças descentralizadas (De-Fi), que permitem a realização de operações financeiras sem intermediadores.

Algumas pessoas também investem em criptomoedas, montando uma carteira de ativos pensando em sua valorização e multiplicação de capital. Tem aqueles que preferem a prática de trading e outros preferem investir para o longo prazo.

Criptomoedas ou Criptoativos?

Muitos questionam se o nome criptomoedas é o mais apropriado, visto que nem todos os ativos cripto são usados como meio de pagamento. 

Sendo assim, alguns afirmam que o nome “criptoativos” seria mais apropriado, pois, ele poderia abranger mais tecnologias relacionadas à blockchain, como NFTs e outros tokens com funções diferenciadas.

Ainda que o conceito de criptoativos seja mais abrangente para se referir a qualquer ativo com essa tecnologia, o nome criptomoedas ainda é mais difundido, sendo conhecido por pessoas dentro e fora do mercado.

No entanto, o nome criptomoedas não está conceitualmente errado quando este é usado para se referir a ativos cripto usados como meios de pagamento.

Qual a diferença entre criptomoeda e bitcoin?

De fato: quando se fala em criptomoedas, é muito difícil não falar do bitcoin. O bitcoin já é conhecido por muitas pessoas, sendo famoso mesmo entre pessoas que não investem no mercado cripto.

Mas afinal, qual a diferença entre os dois? Eles têm a mesma ideia? Apesar de estarem intimamente relacionados, eles possuem sim grandes diferenças.

Criptomoedas são o nome de uma classe de ativos com pontos em comum, como é o caso da ethereum, tether, litecoin e, é claro, o bitcoin.

Ou seja: o bitcoin é apenas uma das criptomoedas. Ele é o ativo cripto mais famoso do mercado, sendo usado como referência.

CNPJ: 15.063.424/0001-72
Endereço: 11ª av n 1409 qd 41 a Setor leste universitário Goiânia
Grupo marketing de negócios